Pela defesa do respeito à liberdade

ÁFRICA, BRASIL - DETALHE

Biblioteca • Notícias

Congo: Segunda mulher candidata-se às eleições presidenciais de Março

Angop
 
15/2/2016

Antiga ministra do Comércio e Abastecimento, Munari foi demitida pelo Presidente congolês, Denis Sassou Nguesso, por se ter oposto à mudança de 20 de Janeiro de 2002.

De 62 anos, Munari é a segunda mulher a candidatar-se às eleições presidenciais. Ela é membro da FROCAD (Frente Republicana para o Respeito da Ordem Constitucional e Alternância Democrática) e a sua candidatura eleva para 12 o número de candidatos.

Com a candidatura de Munari, as duas plataformas da oposição - a FROCAD, uma das principais coligações da oposição no Congo com a Iniciativa para a Democracia no Congo (LDC) - contam agora seis candidatos às presidenciais de 20 de Março próximo.

Munari foi directora do gabinete do antigo Presidente Pascal Lissouba, de 1992 a 1997, e ministra do Comércio e Abastecimento de Sassou Nguesso entre 2009 e 2015 antes de passar para a oposição.

Sassou Nguesso, investido pelo seu Partido Congolês do Trabalho, ainda não oficializou a sua candidatura às eleições presidenciais.

 
Voltar

ASSUNTOS MAIS PROCURADOS

JUNTE-SE A NÓS

SAIBA MAIS